terça-feira, 12 de maio de 2015

Como assentar odu.


ifagbaiyin agboola

Em nosso país sempre tem novidades, a criatividade de nosso povo é conhecida no mundo inteiro, somos um povo alegre e inteligente então as vezes o povo exagera.

No meio religioso é bastante comum ver a criatividade brasileira, quando vamos em algumas festas dos orixás percebemos que todos os dias aparecem coisas novas.

A mistura de influências culturais que alguns sacerdotes fazem, termina gerando uma grande confusão, o assentamento de odu é mais uma dessas confusões, fica claro que não existe assentamento de odu e se isso está acontecendo só pode ser falta de informação.

Odu é uma energia que foi usada por Olódùmarè na criação do universo, cada orixá e cada ser vivo se origina de um odu, dentro de um mesmo odu pode haver o nascimento de vários orixás, sendo assim a energia de odu não é assentado e sim invocada para a extração de parte de sua essência. No assentamento de um orixá parte da essência exigida no momento da criação do mesmo vem do odu, uma outra parte é contida no axé pessoal do sacerdote que está invocando o odu.

Não existe assentamento de nenhum odu, os ditos assentamentos de Òbàrà Méjì são ebós com a intenção de agradar orixás que transitam na energia do odu.

Ter a pretensão de fixar em um assentamento uma energia tão ampla que pode gerar vários orixás é no mínimo falta de informação.

No assentamento de Iya odu não é fixada a energia de um odu, no assentamento de Iya odu é invocada a energia da mãe de todos os odus. Isso é muito mais complexo do que parece, vamos considerar que se Deus usou os odus para criar o universo Iya odu é elemento que antecede a criação e os orixás são elementos pós criação, caracterizando claramente a descendência.

Fica bem claro que o odu na terra é abstrato, ele compõe aquilo que não vemos, mas que sabemos que existe em termos energéticos, não tem como palpar odu, não tem como visualizar odu, só podemos sentir a energia de parte de um odu quando utilizada em um assentamento ou ebó.

É importante não confundir odu com Iya odu.

Iya odu é o assentamento que retrata tudo aquilo que é o mais próximo, imaginável por nós do que seja Olódùmarè, não existe outro assentamento que tenha essa representação, por ser um orixá de primeiríssima geração.

O comportamento humano é influenciado por energias vindas dos odus, dos orixás e dos ajoguns, mas a variável da influência da energia dos odus é o que é mais sentido no dia a dia.

A influência do odu conhecido como transitório é variável na intensidade e na origem ao contrário do odu de nascimento que se mantém o mesmo, porém com ação e reação em contato com a energia de outros odus.


Para concluir só existe uma forma de conhecer o odu de nascimento que é através da cerimônia do itefa, e não existe nenhuma forma de assentar qualquer odu.


0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial