quarta-feira, 31 de julho de 2013

Ifá não é loteria.



Autor: Babalawo Ifagbaiyin Agboola

As apostas para a loteria já estão abertas.

Graças a Olodumare, ifá, Soponan e Osun, posso escolher quem eu atendo, procuro dedicar, o meu tempo para os orisás, baseado no que eu acredito, não no que as pessoas me pedem se fosse assim passaria grande parte do meu tempo fazendo união.

 Se Orisá fizesse alguém rico, não existiria católicos, religião não é loteria, assentamento não é investimento.
Se você faz parte do grupo que esta buscando dinheiro ou sacanagem, não me procure, faço religião.
Fui procurado por um rapaz que  mentia que estava incorporado, para agarrar as clientes, ele pediu um ebó para ter mais pessoas em sua casa.

 Fui procurado por moça que saia com o namorado uma vez por semana, enquanto seu marido ficava em casa, ela me pediu para fazer um ebó que ela não fosse descoberta.

Fui procurado por uma advogada que me pediu encarecidamente que eu fizesse um ebó para que ela conseguisse um cliente que fosse um traficante famoso.

Fui procurado  por um babalorisa que era casado e tinha caso com todos seus filhos de santo, enquanto jurava amor para sua esposa, ele pediu um ebó, para que seu segredo não fosse descoberto.

Fui procurado por um delegado, que veio me perguntar se no próximo dia o assalto, que seus amigos iam fazer daria certo, ele queria um ebó para o roubo ter sucesso.

Fui procurado por uma mulher que era apaixonada pelo genro, mantinha um caso com ele, enquanto ele vivia com sua filha, ela pediu um ebó, para que todos pudessem viver harmoniosamente, na mesma casa.
Os homens parecem que perderam a razão, todo o tipo de loucura é demonstrado em seus anseios mais íntimos, exteriorizados como pedido de ajuda, devaneios, ou surtos psicóticos não sei mas, exteriorizados, ouvi muitos.
Minha paciência terminou, estudei meio século, li mais de três mil livros, passei por mais de trinta iniciações distintas, viajei por vários países, investi a minha vida na religião.

Chega!

Minha paciência terminou, não faço religião para ficar rico, sou rico por que faço religião.
Não faço religião para ganhar dinheiro, tenho profissão e formação.

Não busco resultados mágicos, e não tenho mais paciência para ouvir tantas tolices.

Já fui procurado por pessoas que querem fazer um pacto com o diabo, para ficar ricas.

 já fui procurado por pessoas que acreditam que embaixo da roupa de egungun não tem ninguém.

 Já fui procurado por pessoas que cultuam ajé para ficar milionários.

Já fui procurado por todos os tipos de malucos, chega!

Quem quiser ficar rico, que procure outro, a religião que eu pratico não é essa.

Quem quiser enganar os outros não me procure.

Quem quiser fazer ebós a distancia para economizar a passagem de avião não me procure.

Quem pensa que orisá enriquece, por favor, não me procure.

Explico para os menos avisado, que ser rico, depende muito de orí, Odu, dedicação, trabalho e capacidade.

Deixo aqui um conselho:

Estude muito, trabalhe muito, se dedique ao que você busca, com toda as suas forças.

Só assim você terá resultados.

Quem quiser ficar rico, o governo federal informa:


 As apostas para a loteria já estão abertas.




1 Comentários:

Às 12 de agosto de 2013 17:11 , Blogger syl disse...

Nossa, quantos absurdos!!!!!!! Tem gente esperando o mundo acabar........

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial